LAURIETE E O “CANTO DA SEREIA”

 

 

Podemos anunciar que estamos próximo do fim, e o destino do Salvo, pela Cruz de Jesus, está ligado a segunda manifestação do Cristo no céu para o arrebatamento da Igreja na terra, pelo qual esse mesmo destino está unido aos acontecimentos do mundo. Interessa aos cristãos que estes fatos e acontecimentos mundiais, sobre tudo realista e inumeráveis, enriqueçam a fala profética apocalíptica de seu Deus, mesmo assim, falarmos sobre este assunto, é impossível livrar-se das tristezas da miséria, das migalhas e do sufrágio universal.

Apostasia da fé; Esta expressão não nos foi dada de uma idéia pretensiosa ou exagero fundamentalista. Trata-se de uma expressão bíblica que nos transmite fatos reais que nos levam diretamente ao abismo das instabilidades. A manifestação de desejos e opiniões contraditórios que reconhecem os meios da discórdia “inimigos da cruz” e, poderão apontar para uma segurança maior: “a volta de Jesus que não tarda e não falha em suas afirmações”.

Esta ocorrência, como outras, o que seria inesgotável, é exatamente o pânico da insensatez. A fala sem raciocínio bíblico indo para a direita e para esquerda por engrenagens que residem na fome crônica da ambição. Este cristianismo está no avesso, na mesma medida que a opinião cega, em absoluta estagnação pela mão de mercenários que não poupam o rebanho do Senhor Jesus. Já diziam os idealistas do Sistema Republicano que a governabilidade desta política nunca funcionaria com homens bons, nunca poderia ter algo em comum com a moral, por que o político não se deixa ser guiar pela moral e sim pelas rédeas da astúcia, do crime e da hipocrisia.

A política Lauriete, divorciada, DE UM MARIDO POLÍTICO DIVORCIADO e, mais a manada de delinqüentes das Assembléias de Deus (José Wellington B Costa, Manoel Ferreira, Marcos Feliciano) cumpre o papel desta política e da apostasia evangélica. Lauriete, associada de seus atributos, leva os imbecis ao “canto da sereia” a fim de atrair, seduzir e convencer, ultrapassando todos os contra-argumentos bíblicos, e até psicológicos, que o fundo da individualização é Evangelho. A “Jesabel” unida a força da feminilidade, colocando tropeços e levando a Igreja de Cristo para a Política: “a comer das coisas sacrificadas aos ídolos e se prostituírem como um acontecimento notável”.

Avisem a “Jesabel” que canta no vídeo com o canto da “sereia dos gregos” que o perfil de sua administração foi tirada do fundo do poço, no sentido próprio da expressão, de legiões inteiras de homens sujos e abomináveis cujo “boa-vontade-política” só serviu para matar, tomar a propriedade do outro, garantir o constrangimento dos fracos com os lucros da taxação progressiva, dos impostos abusivos ao nepotismo de suas famílias reinantes cercadas pela miséria. Das impunidades que fazem os filhos desta Pátria chorarem, ao povo embrutecido pelo vício, pela pornografia oficial, prostituição infantil e descaso social. A devassidão precoce dada por seus agentes e educadores, uma hora de partido de esquerda, outra de direita, mas na verdade são todos estandartes da Franco Maçonaria.

Concluímos…

A Normativa Bíblia nos diz que todos chamados do Senhor (profetas, apóstolos e o próprio Cristo), com chamada específica e pessoal, tiveram como objetivo primário introduzir o Conselho do Senhor, separados do que é contraditório e imoral. A mecânica desta inspiração “quem tiver o Conselho do Senhor” sempre na disposição de transmitir, explicar e indicar aos semelhantes a percepção Testamentária de Deus nos acontecimentos no mundo ao invés de ser do mundo. Esta iniciativa sempre permaneceu intacta e fiel a Deus, mesmo debaixo de guerras, conflitos e até na morte. A metodologia permaneceu na iniciativa de Deus, seja por sonhos, visões, meditações ou até pela criatividade que os levou à parábolas, analogias e o drama. O que serviu de modelo padrão para o futuro. Nunca conseguiremos extrair da experiência Bíblico-Testamentários homens em palanques políticos, guiados exclusivamente por paixões mesquinhas, superstições e decisões sentimentalistas. A sedutora do povo evangélico compreendeu a linguagem cifrada das Assembléias de Deus e o código da política Brasileira que está entre as mais vis e deploráveis do mundo.

Senhores ouçam “o canto da sereia” que nos diz “Grandioso é Tu Senhor” pois ecoa das procissões que facilita o sincretismo e o liberalismo. A governabilidade compreendida com base em interpretações rasas como arrebatador, mortal e cheia de ego. O que seria para estes execráveis da política evangélica se não existissem os cegos e o diálogo inconsciente. Lauriete agora canta para os mortos, prepara o Hades para todos aqueles que são seduzidos com o seu canto grego, aonde o verme não morre e o fogo não se apaga! Neste show o diabo estará como segunda voz!

MARANATA! JESUS ESTÁ VOLTANDO !

 

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized e marcado . Guardar link permanente.

14 respostas para LAURIETE E O “CANTO DA SEREIA”

  1. um fato triste e lamentavel a bandidagem processando o povo de bem o pastor Daniel Batista é um grande homem de Deus eu tenho certeza q ele vai vencer a biblia diz ai daquele q tocar em um ungido do senhor.

  2. joaofreirese disse:

    A morte e a vida estão no poder da língua; e aquele que a ama comerá do seu fruto.
    O perverso de coração jamais achará o bem; e o que tem a língua dobre vem a cair no mal. Provérbios

  3. Socorro disse:

    Jesus Vem, mas ainda, hoje Ele é advogado Fiel, quem pode julgar é Ele, quando voltar. Escandaliza mais a igreja aquele que espalha o escândalo do que o que peca, porque o que peca o seu pecado é revelado, mas o que espalha o escândalo e não estarão envergonhando apenas as igreja citadas, mas o Evangelho em si, essa briga de se achar mais santo que outro, os ungidos de Deus é Deus quem julga e não o homem, sinto vergonha de “evangélicos” que gostam de denegrir a imagem dos seus próprios irmão, Caim, exército cego, atigem seus próprios soldados…

    • Socorro diga para o Senhor Jesus que Ele errou em mandar João escrever duras exortações as 5 Igrejas da Ásia maior que caíram no pecado, para se arrependerem! Chamar de Hipócritas os que lhe afrontaram e expulsar os mercadores do Templo de Deus “Ora, se teu irmão pecar contra ti, vai, e repreende-o entre ti e ele só; se te ouvir, ganhaste a teu irmão;” Mateus 18:15. Faça a experiência, oriente o Ap. Paulo a não ser rude com os infiéis “Mas agora vos escrevi que não vos associeis com aquele que, dizendo-se irmão, for devasso, ou avarento, ou idólatra, ou maldizente, ou beberrão, ou roubador; com o tal nem ainda comais.” 1 Coríntios 5:11 Tente arrancar algumas lágrimas do Ap. Pedro por Ananias e Safira e se caso não houver o exorte por isso. Realmente vc está coberta de razões, e tuas razões a lhe colocaram acima de Cristo, dos Apóstolos e da Bíblia, exatamente para onde o diabo quis ir, e por isso desceu até as mais baixas profundezas das trevas!

      

  4. Adalberto Pimentel disse:

    Pr Daniel parabéns pela sua coragem. O Sr expressa o que está entalado na garganta de muitos de nós que ficamos indignados ao ver estes transgressores da evangelho dando uma de santo. Romanos 7 é bem claro, se alguém se casar enquanto seu conjugue ainda está vivo, permanece em adultério. Ou seja, querem ensinar, mas não praticam. Essa gente da nojo. Adalberto Pimentel

  5. Jonas Freire disse:

    Quem é injusto, seja injusto ainda; e quem é sujo, seja sujo ainda; e quem é justo, seja justificado ainda; e quem é santo, seja santificado ainda. Apocalipse 22:11

  6. mario roberto disse:

    parabéns !!!

  7. Léllison disse:

    As únicas circunstâncias que permitem o divórcio são a prostituíção de um dos cônjuges ou a viuvez, fora disso é adultério e a bíblia é muito clara, quem pratica isso não vai entrar no céu de jeito nenhum, pode catar bem, pregar bem, sapatear, pode até fazer chover milagres, mas vai para o inferno…

    • Sandro Tandler disse:

      sim léllison a bíblia até pode permitir a separação o divórcio , mas ela não permite novo casamento, um conjuge ainda vivo, somente morto, aí esta livre, veja o exemplo e analise …. se o conjuge ainda vive, sendo de outro será considerado adultero isso esta nas escrituras não é julgamento próprio e sim bíblico.

      • Sandro Tandler disse:

        se ouve traição então haja perdão, e se não querem , perdoar ou se perdoar e não aceitar mais o esposo ou esposa, podem se separar , mas que fiquem sem casar , e se nós não perdoarmos aos homens as suas ofenças DEUS também não perdoará as nossas.

    • Sara disse:

      Disse tuuudooo Léllisson!! Deus te abençoe!! Amém!!

    • Não existe recasamento nem em caso de prostituição do cônjuge.
      Apenas quando um morre.
      sabe porque?
      se não contradizem os todos os outros versículos..
      relações ilícitas são os casos de casais que estão em te casamento com divorciados e um deles e divorciado..
      é tão certo que os apóstolos falam melhor ser eunuco..

  8. leandro disse:

    amem pastor daniel tem que desmascarar esses caras de pau essas raça de viboras!!!!!!!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s