“A LISTA” IGREJAS EVANGÉLICAS PACTUADAS COM O ECUMENISMO

 

A Secretaria da Justiça e da Defesa da Cidadania promoveu o 2º Fórum Inter-Religioso por uma Cultura de Paz e Liberdade de Crença. O evento reuniu mais de 200 representantes de religiões do Estado de São Paulo, que discutiram com autoridades, órgãos públicos e entidades civis, a cooperação inter-religiosa, a liberdade de crença e a cultura de paz.

O Fórum Inter-Religioso foi institucionalizado desde 2013 pela Lei 14.947/13 no âmbito da Secretaria de Justiça e Defesa da cidadania. Os representantes eleitos para compor este Fórum Administrativo, feito de pessoas de diversas correntes religiosas, receberão disciplinas e atribuições diretamente da Secretaria da Justiça para fazer estender o plano da Nova Educação Religiosa, que é por fim a verdade absoluta, ou a última verdade. (teologia pluralista).

Terão também a função de denunciar e encaminhar a Secretaria da Justiça qualquer caso que comprometa o progresso desta política inter-religiosa. Os discursos e programas que estes educadores devem usar para promover a unidade religiosa colocará em caráter primordial a dramaturgia dos erros históricos cometidos com a religião. Um método satânico conhecido pelos intelectuais desta estrutura centralizadora (“problema-reação-solução”), que faz garantir com que pessoas sejam manipuladas. Criando eventos frustrantes, de natureza vil, que faria a sociedade sangrar, se comover profundamente (guerras, colapsos econômicos, bombas terroristas, etc.) até se render de maneira que a Agenda Global seja introduzida.

Chega para nós o nome “relações gerais da vida humana” como uma influência sobre os espíritos afetados, dirigindo a sociedade diretamente para o abismo dos conhecimentos que os edifícios governamentais do novo regime mundial desejará impor-lhes (ONU). Não me causa estranhezas o modo como o Governo de Geraldo Alckmin deu ritmo a agenda global do novo regime. Institucionalizando o programa de ensino especial para as religiões só confirma a participação dele na pirâmide humana do controle. Encaro esta questão como derradeiros clarões da coroação futura do rei universal (besta), que já leva o vigor das constantes coordenadas centralizadoras da ONU. O que é óbvio, que tais impérios dos negócios globais continuem colocando em prática o “grande trabalho de Eras” da franco maçonaria.

O problema é que entre os membros empossados nesta força educativa tem nomes de igrejas evangélicas tradicionais. Das 80 correntes religiosas que o site do Governo Estado de São Paulo discrimina com mérito de participação, Budismo, Hinduísmo, Catolicismo Romano, Catolicismo Ortodoxo, Igreja Episcopal Anglicana do Brasil, Igreja Anglicana, Espiritismo, Igreja Messiânica Mundial, Islamismo, Judaísmo, Religiões Afrodescendentes (Nagôs, Jejes, Bantos), Xamanismo, Movimento Hare Krishna, Santo-Daime, Seicho-No-Ie, Taoísmo, Xintoísmo, Luteranismo, tradições indígenas, consta na lista igrejas como a Batista, Metodista, Congregação Cristã do Brasil, Adventistas, Assembléia de Deus, Igreja do Evangelho Quadrangular, Igreja Brasil Para Cristo, Igreja Pentecostal Deus é Amor, Comunidade Evangélica Sara Nossa Terra, Igreja Internacional da Graça de Deus, Igreja Universal do Reino de Deus e Renascer em Cristo.

A tribuna da fama evangélica está se espalhando pelo mundo inteiro, e aos poucos as estruturas políticas, como organizações não governamentais, que se alinham a besta da ONU (Agenda Global), faz conhecer o nome das instituições evangélicas que assinaram obediência ao novo regime. Isso sim é repugnante e devastador: a lista. Tendo o conhecimento de que lideranças evangélicas participam de um movimento que só faz jurar de morte a Igreja fiel de Cristo, e com novas lei coopera para a perversão do pensamento de cristãos, para a derrubada da base confessional da fé em Jesus Cristo, só nos faz pensar uma coisa: as cadeias do inferno se abriram e estamos mais perto do que nunca da vinda do Cristo ressurreto.
Não me cansarei de denunciar estas sementes do mal. Vou me dedicar profundamente a identificar cada destes que julgo traidores de Cristo, violentadores do corpo de Jesus e assassinos das almas. Quanto aos que já obedecem cegamente a ordem ministerial destas igrejas, seguem venerando e adorando estes líderes apostatas, cujo castigo deve ser exemplar, meus sentimentos de total repudio e condenação.

Maranata, Jesus está voltado!

fonte: http://www.saopaulo.sp.gov.br/spnoticias/ultimas-noticias/justica-2-forum-inter-religioso-institui-forum-permanente/

 

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s